Sejam Bem-Vindos!

"É uma grandiosíssima calúnia dizer que tenho revoltas contra a Igreja. Eu nunca tive dúvidas sobre a Fé Católica, nunca disse nem escrevi, nem em cartas particulares, nem em jornais, nem em quaisquer outros escritos nenhuma proposição falsa, nem herética, nem duvidosa, nem coisa alguma contra o ensino da Igreja. Eu condeno tudo o que a Santa Igreja condena. Sigo tudo o que ela manda como Deus mesmo. Quem não ouvir e obedecer a Igreja deve ser tido como pagão e publicano. Fora da Igreja não há salvação."
Padre Cícero Romão Batista

segunda-feira, 16 de maio de 2011

Documentário sobre a vida de Irmã Dulce será exibido no dia da beatificação da irmã baiana


irma-dulce-documentarioIrmã Dulce será beatificada em Salvador (BA) no dia 22 de maio, a partir do decreto assinado pelo papa Bento XVI em dezembro de 2010. Em celebração a essa beatificação, a Rede Aparecida de Comunicação produziu um documentário sobre a vida, a obra e o legado de irmã Dulce, a primeira baiana a se tornar beata. Histórias e relatos de sua atenção e cuidado com os mais carentes, desde criança, estão reunidos em ‘Irmã Dulce, o documentário’, que será exibido dia 22 de maio.
Pe_Josafa-MoraesO documentário, dirigido pelo padre Josafá Moraes, apresentará depoimentos de pessoas que conviveram e cuidaram da irmã, entre eles, padre Antônio Maria, amigo de irmã Dulce; cardeal dom Geraldo Majella, escolhido pelo Vaticano para presidir sua beatificação; dom Murilo Krieger, arcebispo Primaz de Salvador; irmãs Josefa e Ana Angélica, que conviveram com irmã Dulce; e ainda, a enfermeira Walkiria, que cuidou de Dulce durante seus últimos dias.
Irmã Dulce, cujo nome era Maria Rita de Souza Brito Lopes Pontes, começou a praticar caridade aos 13 anos, ajudando mendigos que moravam nas ruas da capital baiana. Aos 18 anos, entrou para a Congregação das Irmãs Missionárias da Imaculada Conceição. Dedicou toda sua vida à caridade e ficou conhecida como ‘Anjo bom da Bahia’.
Acesse www.a12.com/irmadulce e conheça a história do ‘Anjo bom da Bahia’.
Postar um comentário

Planeta Brasileiro