Sejam Bem-Vindos!

"É uma grandiosíssima calúnia dizer que tenho revoltas contra a Igreja. Eu nunca tive dúvidas sobre a Fé Católica, nunca disse nem escrevi, nem em cartas particulares, nem em jornais, nem em quaisquer outros escritos nenhuma proposição falsa, nem herética, nem duvidosa, nem coisa alguma contra o ensino da Igreja. Eu condeno tudo o que a Santa Igreja condena. Sigo tudo o que ela manda como Deus mesmo. Quem não ouvir e obedecer a Igreja deve ser tido como pagão e publicano. Fora da Igreja não há salvação."
Padre Cícero Romão Batista

quinta-feira, 10 de maio de 2012

Papa faz um convite para que os cristãos rezem verdadeiramente



ANSA
'Devemos sempre de novo aprender a rezar bem', diz Papa
























O Papa Bento XVI deu continuidade à série de catequeses sobre a oração nos Atos dos apóstolos, durante a audiência geral desta quarta-feira, 9.

O Pontífice concentrou sua reflexão sobre o episódio no qual Pedro liberta-se da prisão através da intervenção de um anjo. O Papa enfatiza que diante desse momento vivido pelo apóstolo, a comunidade cristã primitiva colocou-se em oração, em atitude de prontidão.

"A força da oração incessante da Igreja se eleva a Deus e o Senhor escuta e realiza uma libertação impensada e inesperada, enviando seu anjo", disse.

Ainda durante a catequese, Bento XVI trouxe a situação vivida por Pedro para a nossa realidade, já que, de acordo com o Pontífice, o acontecimento milagroso vivido pelo primeiro Papa leva-nos a refletir sobre o caminho para o qual Jesus pretende nos conduzir
"Somente saindo de si mesmo para colocar-se em caminho com o Senhor e fazer a sua vontade, se vive a verdadeira liberdade", salientou.
Acesse
.: NA ÍNTEGRA: Catequese de Bento XVI sobre a Oração por Pedro na prisão - 09/05/2012

Por fim, o Papa destacou que existe a oração que é "feita de forma errada", a qual é orientada pela satisfação das próprias paixões. Diante disso, o Pontífice pediu que cada cristão assuma o compromisso de "rezar verdadeiramente".

"Devemos sempre de novo aprender a rezar bem, rezar realmente, orientar-se para Deus e não em direção ao bem próprio", disse.

Fonte: CN


Postar um comentário

Planeta Brasileiro