Sejam Bem-Vindos!

"É uma grandiosíssima calúnia dizer que tenho revoltas contra a Igreja. Eu nunca tive dúvidas sobre a Fé Católica, nunca disse nem escrevi, nem em cartas particulares, nem em jornais, nem em quaisquer outros escritos nenhuma proposição falsa, nem herética, nem duvidosa, nem coisa alguma contra o ensino da Igreja. Eu condeno tudo o que a Santa Igreja condena. Sigo tudo o que ela manda como Deus mesmo. Quem não ouvir e obedecer a Igreja deve ser tido como pagão e publicano. Fora da Igreja não há salvação."
Padre Cícero Romão Batista

domingo, 27 de março de 2011

O sol é como o amor de Deus – Mateus 5,43-48


“Ele faz nascer o sol sobre maus e bons, e faz cair a chuva sobre justos e injustos.”
Diariamente o sol nasce, e nasce para todos, mesmo que alguns nem se dêem conta disso. É rotina, é o dia a dia… faz parte do cotidiano. Queira ou não o homem, o sol nasce, assim é a vida. E muitos vivem sem se dar conta do seu brilho, sem notar que ele é a razão do dia ou a ausência na noite.
Bons e maus, justos e injustos vivem sob este astro que aquece e oferece gratuitamente a sua luz, e ninguém faz queixa disso ou se vangloria por ser privilegiado, porque não é.
Assim também é o amor incondicional do Pai pelos seus filhos. Deus não ama mais a um do que a outro, mesmo que isso possa parecer incoerente ou injusto aos olhos dos homens.
Deus que é puro amor não poderia amar diferente! E, como cada homem e cada mulher recebe igualmente este amor, Deus pede que todos se amem mutuamente.
A ausência do amor é impróprio ao homem que foi criado para amar, é fruto da discórdia e da intolerância.
Por isso, Jesus chama os homens e as mulheres para a sua vocação primeira que é o amor, pedindo que se voltem um para o outro com retidão de sentimento, não se deixando levar pelo rancor e pelas mágoas, rezando uns pelos outros e perdoando-se mutuamente.
É preciso olhar para frente e para o alto e perceber o quanto é importante o sol, assim como o amor, porque sem eles não existe vida, sem eles o homem morre fisicamente e espiritualmente, e vira pó na terra que o sol aquece e o amor de Deus floresce.
Postar um comentário

Planeta Brasileiro