Sejam Bem-Vindos!

"É uma grandiosíssima calúnia dizer que tenho revoltas contra a Igreja. Eu nunca tive dúvidas sobre a Fé Católica, nunca disse nem escrevi, nem em cartas particulares, nem em jornais, nem em quaisquer outros escritos nenhuma proposição falsa, nem herética, nem duvidosa, nem coisa alguma contra o ensino da Igreja. Eu condeno tudo o que a Santa Igreja condena. Sigo tudo o que ela manda como Deus mesmo. Quem não ouvir e obedecer a Igreja deve ser tido como pagão e publicano. Fora da Igreja não há salvação."
Padre Cícero Romão Batista

terça-feira, 5 de junho de 2012

Irlanda se prepara para Encontro Eucarístico Internacional



Divulgação
50º Encontro Eucarístico Internacional começa na próxima semana, entre os dias 10 e 17, em Dublin, na Irlanda
Em Dublin, na Irlanda, entre os dias 10 e 17 de junho, será realizado o 50º Encontro Eucarístico Internacional em meio às comemorações dos 50 anos do Concílio Vaticano II. O tema escolhido “A Eucaristia, comunhão com Cristo e entre nós”, foi tirado da Constituição Dogmática Lumen Gentium.

Depois do Congresso Eucarístico de 1932, Dublin está pronta novamente para hospedar este momento de renovação e reconciliação, como salienta o Arcebispo da capital irlandesa, Dom Diarmund Martin, em coletiva ao programa "No Coração da Igreja", transmitido pela TV Canção Nova.

Para ele, este encontro acontece num momento delicado para a Igreja na Irlanda que sofre pelas feridas dos casos de abusos sexuais contra menores.

“Este Congresso Eucarístico deve criar um novo clima de reflexões, de diálogo, para olhar em direção ao futuro da Igreja na Irlanda, não esquecendo o passado ou colocando-o de lado. É preciso enfrentar as realidades do passado que são tristes, mas é preciso restaurar o sentimento de alegria na Igreja irlandesa, dar esperança à Igreja”, destaca o arcebispo de Dublin.

São esperados milhares de peregrinos de mais de 100 países diferentes nas conferências gerais, que poderão participar de 150 laboratórios e grupos durante o evento.

Diálogo ecumênico

O presidente do Pontifício Comitê para os Congressos Eucarísticos, Dom Diarmund Martin, destaca ainda que o congresso será um espaço de solidariedade, partilha e de grande importância ecumênica.

“Esperamos um novo impulso para o ecumenismo, porque o primeiro dia do Congresso se baseia na unidade do Batismo que nos une a tantos irmãos que estão separados de nós, mas com os quais temos em comum a mesma fé em Cristo. O congresso de Dublin deverá ser um sinal para pegar novamente o caminho da unidade porque a unidade não é algo que podemos renunciar”, reforça.

Cerca de 80 mil pessoas são esperadas para a Missa no dia 17 de junho que será celebrada no moderno estádio de Croke Park: um momento para reafirmar a centralidade da Eucaristia na vida da Igreja e para lançar novamente a missão das comunidades cristãs.

"Em inglês tem uma frase: 'seven day wonder', um milagre em 7 dias. O congresso não pode e nem deve ser algo que começa no dia 10 e termina no dia 17 de junho. Nós, em Dublin, temos nesses últimos meses um projeto chamado ‘Dioceses em missão’, no qual buscamos alcançar aquelas pessoas que estão afastadas da Igreja e um dia depois da conclusão do congresso iniciaremos a próxima etapa”, explica o Arcebispo de Dublin.
Postar um comentário

Planeta Brasileiro