Sejam Bem-Vindos!

"É uma grandiosíssima calúnia dizer que tenho revoltas contra a Igreja. Eu nunca tive dúvidas sobre a Fé Católica, nunca disse nem escrevi, nem em cartas particulares, nem em jornais, nem em quaisquer outros escritos nenhuma proposição falsa, nem herética, nem duvidosa, nem coisa alguma contra o ensino da Igreja. Eu condeno tudo o que a Santa Igreja condena. Sigo tudo o que ela manda como Deus mesmo. Quem não ouvir e obedecer a Igreja deve ser tido como pagão e publicano. Fora da Igreja não há salvação."
Padre Cícero Romão Batista

sexta-feira, 12 de abril de 2013

Segundo dia - Bispos falam sobre a comunicação e o Missal Romano


André Alves
Enviado especial a Aparecida (SP)


Luana Oliveira / Cancão Nova
Bispos chegando para o segundo dia de Assembleia
A 51ª Assembleia Geral dos Bispos do Brasil segue em seu segundo dia e continua a abordar, nesta quinta-feira, 11, o tema central da reunião episcopal que trata da situação das paróquias. Além disso, a tradução para o Missal Romano e o Diretório de Comunicação também entraram na pauta da Assembleia neste dia.

Acesse:
.: FOTOS no Flickr
Segundo a Assessoria de Imprensa da Assembleia, a Comissão Episcopal para os Textos Litúrgicos apresentará em plenária a proposta para uma nova tradução do Missal Romano – livro utilizado na condução das Celebrações Eucarísticas. Os trechos traduzidos já foram analisados anteriormente pelos bispos, agora deverão ser aprovados na Assembleia e, em seguida, serão enviados ao Vaticano para reconhecimento da Santa Sé.

O presidente da Comissão, Dom Armando Bucciol, diz que o trabalho tem sido feito por etapas e que parte do material já foi mandada para Roma: “E assim, de ano em ano, pretendemos continuar, apresentando à assembleia uma parte e depois esperamos a resposta definitiva de Roma.”

Sobre o Diretório de Comunicação, Dom Orani João Tempesta, arcebispo do Rio de Janeiro, que também participou do processo de elaboração do Diretório, fez a seguinte consideração: “a comunicação é essencial na vida do ser humano e a Igreja é feita de comunicação, da boa notícia, da Palavra de Deus, da Catequese, da Liturgia. Com as mídias sociais e com a comunicação eletrônica, é importante que haja orientação, que não corte o entusiasmo, mas que entende bem a comunicação no Brasil”.

Para os bispos, o Diretório de Comunicação é fundamental para a Igreja visto que não há como promover evangelização sem utilizar, nos dias de hoje, os meios de comunicação. 
Postar um comentário

Planeta Brasileiro